sexta-feira, 29 de outubro de 2010

JOSÉ LUÍS PEIXOTO


na hora de pôr a mesa, éramos cinco:

o meu pai, a minha mãe, as minhas irmãs

e eu. depois, a minha irmã mais velha

casou-se. depois, a minha irmã mais nova

casou-se. depois, o meu pai morreu. hoje,

na hora de pôr a mesa, somos cinco,

menos a minha irmã mais velha que está

na casa dela, menos a minha irmã mais

nova que está na casa dela, menos o meu

pai, menos a minha mãe viuva. cada um

deles é um lugar vazio nesta mesa onde

como sozinho. mas irão estar sempre aqui.

na hora de pôr a mesa, seremos sempre cinco.

enquanto um de nós estiver vivo, seremos

sempre cinco.



José Luís Peixoto, in "A Criança em Ruínas"


PEIXOTO, José Luís - A criança em ruínas. 6ª ed. Famalicão : Quasi , 2003. ISBN:978-989-552-168-5

Obra disponível na Biblioteca Municipal de S. João da Madeira

Sem comentários: